Nordeste brasileiro: tudo que você precisa saber antes de visitar - Blog Rota das Emoções: O melhor sobre a Rota das Emoções
Nordeste brasileiro: tudo que você precisa saber antes de visitar

O nordeste brasileiro é uma das melhores regiões do mundo para o turismo. Conhecido pelo litoral repleto de praias maravilhosas, as belezas naturais são, de fato, atrativos irresistíveis para turistas de todo o mundo e conferem o cenário ideal para as suas próximas férias.

Além das praias incríveis, a região também é rica em trilhas, cachoeiras, enseadas e muitos outros atributos que fazem dela o melhor destino para diversos tipos de turistas. Não importa se você é amante do ecoturismo, está atrás de novas experiências, quer fazer uma viagem romântica ou prefere descansar com uma paisagem paradisíaca: o nordeste brasileiro é o melhor lugar.

Para te ajudar a se preparar para as próximas férias, preparamos esse material exclusivo com dicas de viagem e curiosidades sobre a cultura nordestina. Confira!

Afinal, o que preciso saber sobre a cultura nordestina?

Primeiro de tudo, é importante entender que o nordeste brasileiro é uma região imensa, composta por nove estados. São eles: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Todos possuem tradições e hábitos próprios.

Muitas dessas federações, no entanto. são relativamente pequenas, com fronteiras próximas umas às outras. Isso faz com que boa parte da cultura seja compartilhada entre elas, criando essa noção de uma identidade nordestina unificada.

Essa região é muito atrelada às suas tradições e preserva hábitos antigos ligados a culturalismos, religiões e folclores. Hoje, muitas manifestações culturais do nordeste carregam esse traço marcante de tradição. Conheça algumas delas:

Maracatu

Com origem em Recife, capital de Pernambuco, o maracatu surgiu nas procissões religiosas de homenagem à Nossa Senhora do Rosário dos Negros. Os tambores são as características principais dos cortejos de maracatu. Hoje, existem diversos grupos de caráter apenas cultural, sem cunho religioso.

Outra marca forte dos cortejos de maracatu são as roupas bem coloridas e as performances elaboradas, com uma mistura de música e teatro.

Literatura de cordel

Esse estilo literário tem forte ligação com a linguagem oral. Os livros de cordel reúnem pequenas histórias e “causos” ligados à cultura nordestina, em uma narrativa ritmada e bastante lúdica. Alguns cordéis acabaram por basear histórias conhecidas em todo o país, como a narrativa de “O Auto da Compadecida”;

Repentistas

A tradição dos repentistas é muito ligada à história dos cordéis. É baseadas nas rimas improvisadas e lembra o costume dos trovadores da Idade Média. A maioria dos versos remete ao cotidiano nordestino e aborda temas como cultura, política e religião. O humor também é característica bem marcada dos repentistas.

Artesanato

No artesanato nordestino, o destaque fica por conta das temáticas e dos materiais utilizados. Normalmente, as peças trabalham temas ligados ao folclore e à religião, mas também à história nordestina. O cangaço, por exemplo, é tema bastante recorrente.

De modo geral, as peças são feitas a partir de matérias primas naturais como a palha, as fibras de coco, a madeira e a cerâmica.

O que não posso deixar de experimentar no nordeste?

A gastronomia nordestina é uma atração à parte e não é à toa que é referência em todo o mundo. Normalmente, os pratos nordestinos são baseados em carnes simples e frutos do mar, e são carregados de muito sabor, carinho e tradição.

Além dos ingredientes mais conhecidos no resto do país, as receitas típicas do nordeste brasileiro também contam com alimentos regionais. Eles podem ser considerados bem originais e apresentam novos sabores aos turistas que visitam a região. Confira abaixo alguns dos pratos mais famosos do nordeste brasileiro:

Carne de sol com macaxeira

Esse prato é apreciado por todo o nordeste brasileiro, principalmente nos estados do Ceará e de Pernambuco. Historicamente, a carne de sol é muito comum na região pelo seu processo de produção, que consiste em secar a carne diretamente ao sol. Fácil e barato, ele também garantia que a proteína fosse conservada por mais tempo.

A macaxeira é a forma como a mandioca é conhecida nos estados do norte e nordeste. Ela pode ser feita frita ou cozida em manteiga de garrafa. Uma delícia!

Baião de dois

Conhecido no Brasil inteiro, o baião de dois é um dos pratos mais típicos do nordeste brasileiro. Muito mais do que o simples arroz com feijão, ele é feito com feijão-de-corda e conta com vários outros ingredientes que dão um toque especial ao prato.

Um bom baião de dois também leva pimentão, cheiro verde, tomate, alho, cebola e queijo coalho, carta curinga de diversos estados nordestinos, como o Ceará.

Maria Isabel

Essa receita tradicional é a estrela do Piauí. Basicamente, o prato é uma mistura de carne com arroz e muitos temperos deliciosos. Na maioria das vezes, a proteína escolhida é a carne de sol, mas ele também pode ser feito com bode, capote, galinha caipira e pato.

Sem dúvidas, esse é um prato que tem a cara e o cheiro do Piauí e não pode ficar de fora da sua lista!

Torta de caranguejo

Esse prato típico do litoral piauiense, mais especificamente do Delta do Parnaíba é o favorito de muita gente. Basicamente, a torta é feita de uma mistura de refogado de carne de caranguejo e ovos, que substituem a massa de farinha. Algumas receitas incluem, ainda, fatias de pão adormecido embebidas em leite.

Tapioca

É do nordeste que veio a tapioca, hoje queridinha dos seguidores das dietas fitness em todo o país. Os recheios podem ser vários, sendo muito comum o uso da carne de sol, do queijo, da manteiga de garrafa e do coco ralado — até nas receitas salgadas!

Bolo mole

As sobremesas também não podem ficar de fora dessa lista. O bolo mole lembra uma espécie de pudim e leva bastante leite condensado na receita. Esse prato é um dos mais famosos do Ceará.

Bolo de rolo

Essa é outra sobremesa que saiu do nordeste para ganhar todo o país. O bolo de rolo é uma espécie de rocambole, com uma massa bem saborosa e recheio de goiabada. Outros recheios também podem ser encontrados como doce de leite, chocolate e morango.

Moqueca

Sem dúvidas, a moqueca é um dos pratos mais queridos de todo o Brasil. Cada estado possui suas tradições e toques especiais para complementar essa caldeirada de frutos do mar muito bem temperada. No Ceará, por exemplo, é muito comum incluir o suco de caju na receita, ou até mesmo a fruta inteira.

Quais são as melhores praias do nordeste brasileiro?

Jericoacoara (Ceará)

Esse pequeno paraíso no estado do Ceará é conhecido pelo seu pôr do sol. O entardecer é, de fato, um dos horários mais bonitos em Jericoacoara, quando turistas e moradores sobem as dunas da praia para assistir a despedida do dia com uma vista impecável.

Durante todo o dia, essa vila de pescadores ainda oferece todo tipo de divertimento para os turistas, como bons restaurantes e passeios de ecoturismo bem divertidos.

Barra Grande (Piauí)

Essa pequena vila no litoral do Piauí é um daqueles paraísos no escondidos. Com bangalôs à beira mar, é muito procurada pelos amantes da natureza e praticantes de esportes de aventura, principalmente o kitesurf.

A vida noturna de Barra Grande também não deixa a desejar e o povoado oferece boas opções de restaurantes, bares e lanchonetes. Ainda há infraestrutura necessária para receber os turistas mais exigentes de todo o mundo com o clima rústico do local.

Galinhos (Rio Grande do Norte)

Localizada no litoral norte do Rio Grande do Norte, Galinhos ainda é um destino desconhecido para o público em geral. No entanto, a vila guarda belíssimos tesouros naturais e é um dos melhores lugares para quem quer aproveitar as férias para admirar a natureza e relaxar.

Ilha das Canárias (Maranhão)

Na divisa entre os estados do Maranhão e do Piauí, a Ilha das Canárias faz parte de um arquipélago com cerca de 80 ilhas, o Delta do Parnaíba. Localizada em uma área de proteção ambiental, a região abriga ainda diversas espécies de plantas e animais que podem ser observados com facilidade.

A grande maioria das menos de 2 mil famílias que vivem por lá trabalha nos muitos manguezais da região. Por isso, a moqueca de frutos do mangue é um dos pratos que mais agrada aos turistas da Ilha das Canárias!

Cumbuco (Ceará)

Essa praia paradisíaca faz parte do município de Caucaia e está a apenas cerca de 30 km de distância de Fortaleza, a capital do Ceará. Por conta dos ventos bem fortes, a praia é uma das mais procuradas pelos praticantes de atividades radicais como paraglider, kitesurf e windsurf.

Outras aventuras naturais que são atrações de Cumbuco são passeios de jangada e buggy, cavalgadas, banana-boats, descidas de esquibunda e muito mais! As dunas muito brancas, as águas cristalinas e as palmeiras à beira mar completam o cenário desse destino apaixonante.

O que é a rota das emoções?

O nordeste brasileiro é um verdadeiro oásis para os fãs do ecoturismo e do turismo de aventura. Isso porque a região possui destinos muito bem preservados e praticamente intocados pelo avanço urbano. Além das belezas naturais evidenciadas, a simplicidade dos povoados permite que os turistas vivenciem uma realidade bem diferente daquela que estão acostumados.

Essa característica é tão forte no nordeste que a região possui um roteiro bem conhecido e voltado para esse tipo de turismo. É a rota das emoções, um percurso que integra os principais atrativos naturais dos estados do Ceará, Piauí e Maranhão.

O itinerário completo passa por 14 municípios e três santuários ecológicos — o Parque Nacional de Jericoacoara, a Área de Proteção Ambiental do Delta do Parnaíba e o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Para poder aproveitar todo o percurso com certa tranquilidade, o recomendado é que a viagem seja de, no mínimo, sete dias.

A grande possibilidade de atrações e passeios faz com que seja possível a elaboração de diversos roteiros diferentes, de acordo com o perfil desejado da viagem. Conheça um pouco mais sobre os principais pontos da Rota das Emoções:

Parque Nacional de Jericoacoara (Ceará)

Localizada a 300 km da capital, Fortaleza, em 2013 a praia de Jericoacoara alcançou status de Parque Nacional. Há menos de 20 anos a região não passava de uma pequena e tranquila vila de pescadores, até que foi exaltada em um jornal internacional como uma das praias mais bonitas do mundo.

Jeri faz justiça ao título e é agraciada com algumas das belezas naturais mais exuberantes do país. Ao conhecer a região, não deixe de visitar a Pedra Furada e alguns outros pontos turísticos como a Lagoa do Preá, a Árvore da Preguiça e a Lagoa do Coração.

As Lagoas Azul e do Paraíso são alguns dos lugares mais procurados pelos turistas. O visitante pode aproveitar uma infraestrutura impecável e relaxar nas redes armadas sobre as águas cristalinas de um cenário quase inacreditável de tão bonito.

APA do Delta do Parnaíba (Piauí)

Com águas cristalinas, dunas exuberantes, manguezais extensos, animais silvestres e paisagens incríveis, o Delta do Parnaíba fica na divisa entre Piauí e Maranhão. É um arquipélago de 2.700 km de extensão, formado pelo encontro do Rio Parnaíba com o mar.

Entre os melhores atrativos da região estão a Ilha das Canárias, Morro do Meio, Praia dos Poldros, Morro Branco (veja mais sobre ela acima), a revoada dos guarás (pássaros de cor vermelho escarlate que se reúnem em bandos ao fim do dia) e a convivência com a comunidade local, que é formada em sua maioria por catadores de caranguejo dos mangues. O Delta do Parnaíba fica em uma Área de Proteção Ambiental.

Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é um dos lugares mais procurados pelos adeptos do ecoturismo de todo o mundo. Com cerca de 165 hectares de extensão, são diversas as opções de passeios. O cenário é basicamente formado por grandes dunas e lagoas de águas cristalinas.

O circuito Lagoa Bonita, a Lagoa Azul, o rio Preguiças e o vilarejo de Mandacaru são apenas alguns dos pontos imperdíveis do parque.

Por que e como escolher uma agência de turismo para essa viagem?

Intermédio com a comunidade local

Uma agência de turismo com expertise na região pode fazer toda a diferença para que suas férias sejam inesquecíveis. É ela quem vai intermediar o seu contato com as pessoas do destino escolhido e te dar todo o suporte necessário durante a viagem, principalmente em quesitos como infraestrutura e segurança.

Eficiência no transporte

Quando se trata de lugares mais afastados e remotos, como são alguns dos destinos paradisíacos no nordeste brasileiro, uma boa empresa é essencial para que o transporte seja feito de forma rápida, segura e, até mesmo divertida. Muitas vezes esse traslado poderá ser feito por meio da locação de veículos 4 x 4 ou do fretamento de vans especializadas.

Experiência e bom conhecimento da região

Um ponto que deve ser observado na hora de escolher a melhor agência é a experiência da empresa com a região escolhida. É importante procurar por profissionais que conheçam bem o seu destino e assim possam lhe oferecer as melhores orientações para uma viagem completa e bastante agradável.

Passeios inovadores

Outra vantagem interessante em optar por realizar a viagem com uma agência é a possibilidade de passeios originais e divertidos. Isso porque empresas especializadas com expertise na região podem oferecer pacotes que incluam atrações como roteiros off road, observação de animais típicos, envolvimento com a cultura local e muito mais.

Bom custo-benefício

Planejar uma viagem pode ser uma tarefa bem trabalhosa. É preciso dar atenção a vários detalhes diferentes, pesquisar os melhores preços, estudar a região local, conferir as opções de transportes e muito mais. Isso tudo pode tomar bastante tempo e nem sempre o resultado poderá ser o melhor possível.

Uma boa agência de turismo se responsabiliza por todo esse checklist do planejamento, garantindo que você economize bastante tempo e que nada fique de fora da sua viagem. Além disso, por trabalhar com diversos grupos e ter um bom relacionamento com as comunidades locais, uma empresa especializada tem mais poder de negociação e pode te ajudar a conseguir melhores tarifas.

O que levar na mala para uma viagem ao nordeste brasileiro?

Organizar a mala para curtir as férias no nordeste brasileiro é bem simples. De modo geral, você deve levar roupas de banho e peças leves e confortáveis, que permitam que você se movimente tranquilamente para explorar as belezas da região.

Para facilitar a seleção das peças, deixe para arrumar a mala depois que o roteiro estiver definido. Assim, você saberá melhor que lugares vai visitar e quais roupas deverá levar. Mesmo para quem pretende curtir a noite do Nordeste, a regra das roupas leves e confortáveis continua valendo: o calor e o clima de férias fazem com que as peças leves sejam as mais usadas por lá.

Dependendo da época escolhida para a viagem, os mosquitos podem incomodar. Por isso, é essencial levar repelentes para poder aproveitar a viagem com tranquilidade. Para se proteger do sol, também é muito importante carregar com você um protetor solar.

Muitas cidades do nordeste brasileiro são mais afastadas e não possuem a mesma infraestrutura que as capitais. Por isso, não deixe de levar, também, remédios básicos (anti-inflamatórios, analgésicos, anti-histamínicos, etc). Isso porque, caso precise, você pode não encontrá-los nesses destinos.

Outros itens que não podem faltar são canga, óculos de sol, chapéu e bolsas ou mochilas impermeáveis para usar na praia. Para economizar na mala, escolha roupas mais básicas e que combinem entre si. Assim, uma mesma peça poderá ser usada em vários looks diferentes.

Qual a melhor época para viajar?

No nordeste brasileiro, faz sol praticamente o ano inteiro. O período de chuvas, no entanto, vai de março até maio. Para poder curtir mais do que as belíssimas praias, você também pode organizar a sua viagem para os períodos mais festivos da região. Conheça os principais:

Carnaval

Famoso no mundo inteiro, o carnaval nordestino é uma das festas mais queridas no Brasil. Os estados mais conhecidos por abrigarem a festa são Bahia e Pernambuco, mas a folia se espalha por toda a região. O litoral do Piauí, por exemplo, recebe mais de 200 mil foliões, e é considerado o terceiro maior do Nordeste.

Os ensaios duram o ano inteiro e se intensificam a partir do segundo semestre do ano anterior. Eles são levados muito a sério, e atraem muitas pessoas. Afinal, no nordeste brasileiro o carnaval representa uma parte muito marcante da cultura e também um excelente atrativo para os turistas, sendo uma das maiores fontes de renda da região.

A folia não tem data específica e varia a cada ano, geralmente entre os meses de fevereiro e março.

São João

As festas juninas do nordeste são as mais conhecidas de todo o país. Cercado de muita beleza e tradição, o São João é um período muito importante para a região. Assim como o Carnaval, é uma marca registrada da cultura nordestina e também movimenta bastante o mercado de turismo.

Em uma festa tradicional de São João não pode faltar a fogueira (que celebra o nascimento do santo) e muitas comidas típicas, como milho, pé de moleque e quentão. As quadrilhas também são parte muito importante do evento e os grupos ensaiam o ano inteiro para fazer bonito no dia da festa.

Bumba-meu-boi

A festa do bumba-meu-boi é uma das estrelas da cultura dos estados mais altos no nordeste, como Maranhão e Piauí. Acontece todos os anos em junho e atrai visitantes de todas as partes do mundo. O enredo da festa é baseado na história de um escravo, Pai Francisco, que matou o boi do senhor da capitania para saciar um desejo da esposa.

Ao descobrir o feito, o dono da fazendo teria ficado furioso e obrigado o escravo a ressuscitar o boi. Pai Francisco, então, conta com a ajuda de curandeiros para conseguir trazer o animal de volta.

Independentemente de qual a época ou região escolhida para conhecer o nordeste brasileiro, as diversas opções de destinos e passeios são ideais para proporcionar uma viagem original, divertida e repleta de aventuras. Que tal aproveitar para começar a planejar as próximas férias? Curta a página do nosso parceiro no Facebook e fique por dentro dos melhores conteúdos sobre a região!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This