Jericoacoara: pontos turísticos, roteiro e o que fazer

23 minutos para ler

Você está procurando dicas sobre o que fazer em Jericoacoara? Então, saiba que chegou ao lugar certo! Nós da Eco Adventure separamos as principais informações para uma viagem incrível. 

Bom, sem dúvidas, o Nordeste é uma das regiões mais badaladas e procuradas quando o assunto é turismo no Brasil. 

Seja por suas belas praias e paisagens paradisíacas, a verdade é que o local atrai um número cada vez maior de visitantes apaixonados. 

Jericoacoara, por exemplo, já foi eleita uma das praias mais bonitas do Brasil e entrou, em 2017, na lista dos destinos mais em alta do mundo.

Queridinhos das celebridades, os pontos turísticos em Jericoacoara são um espetáculo à parte e valem muito a pena a visita! 

É possível encontrar opções variadas e em diferentes preços, que vão de praias e trilhas pelo mangue.

 

E aí, ficou com ainda mais vontade de visitar esse paraíso na terra? Continue por aqui e veja como planejar seu passeio! 

Vamos falar, especificamente, sobre: 

  • por que ir a Jericoacoara;
  • o que fazer em Jericoacoara (pontos turísticos);
  • como chegar em Jericoacoara;
  • dicas sobre o que fazer em Jericoacoara em 3 dias;
  • quando ir a Jericoacoara;
  • o que fazer em Jericoacoara (passeios);
  • como planejar sua viagem.

Boa leitura!

Jericoacoara: por que visitar?

Antes de falarmos o que fazer em Jericoacoara, vale a pena ressaltar alguns aspectos desse destino e o porquê visitá-lo.

Um dos problemas mais acentuados nas grandes cidades é o estresse. Pressões por resultados, arranhas céus por todos os lados, poluição, barulho, cobranças a mil, etc. 

Mas, calma… Ao visitar a Vila de Jericoacoara, certamente, você vai descarregar todas as energias negativas, recarregando o seu estado de ser com um ar mágico proporcionado pelas belezas do lugar.

O próprio nome já é um sinalizador de um puro contato com a essência do planeta: em tupi guarani, Jericoacoara significa toca das tartarugas, pois é nesse local que os répteis fazem a desova, ou seja, o próprio movimento da espécie já demonstra que se trata de um paraíso protegido.

Isso porque existe o Parque Nacional de Jericoacoara com todas as exigências ambientais que asseguram a devida preservação e combate às interferências humanas descontroladas. Tanto é que carros particulares não podem entrar na Vila.

Assim, o seu passeio será recheado de opções de lazer que reúnem praia, lagoas, dunas, passeios de buggy, prática de esportes de aventura, descanso nas famosas redes dentro d’água ou a contemplação de um pôr do sol dos deuses.

Com atrativos que satisfazem pessoas de todas as idades, de crianças a baladeiros, Jeri não tem contraindicações, transformando suas férias em um merecido momento de descanso e encontro consigo mesmo. Não é à toa que o destino é um dos mais queridos do Ceará.

Certamente, há muito o que fazer em Jericoacoara! 

Principais pontos turísticos e atividades de Jericoacoara que você precisa conhecer

Jericoacoara tem a fama de ser um local maravilhoso, e com razão. É um dos pontos mais amados pelos turistas, principalmente pelas suas belezas naturais e possibilidade de praticar alguns esportes radicais.

Dentre locais para visitar e passeios para se fazer, separamos algumas opções mais procuradas.

Veja, então, o que fazer em Jericoacoara… Monte um roteiro para aproveitar os cenários mais incríveis da região!

1. Duna do Pôr do Sol

Sem dúvidas, essa é uma das maiores belezas de Jericoacoara. Uma duna à beira-mar, para que todos apreciem o astro-rei cair na água no fim do dia. 

Já é uma tradição no lugar: próximo ao pôr-do-sol, turistas e moradores sobem a duna para apreciar “de camarote” esse belo espetáculo.

Se você quiser acrescentar um pouco de aventura, dá para alugar um cavalo e subir a duna e passear para além dela. Na volta, ainda dá para curtir a roda de capoeira na praia.

2. Lagoa do Paraíso

Quem não gostaria de relaxar deitado numa rede, com areia branca sob os pés e, ainda, uma lagoa de águas cristalinas para apreciar? 

E, se em vez disso, puder colocar a rede na lagoa? Pois, essa é mais uma das opções sobre o que fazer em Jericoacoara.

Em volta da lagoa, existem restaurantes, para você apreciar um drink na sua rede, ou comer uma bela porção de frutos do mar, sem precisar tirar os pés da areia.

Para chegar lá, é só contratar um buggy, que ainda pode acrescentar outras atrações pelo caminho, como a Lagoa Azul e a Árvore da Preguiça, que tem seus galhos deitados na areia.

lagoa do paraíso Jericoacoara

3. Pedra Furada

Outra opção sobre o que fazer em Jericoacoara é a Pedra Furada, um dos símbolos desse destino em pauta.

Pedra Furada é uma formação rochosa com um vão no centro, que marca a paisagem. Em julho, é possível ver o sol se pondo por esse vão, como que emoldurando toda a cena.

Para chegar lá, partindo da vila em Jeri, você pode ir pela beira-mar, na maré baixa, passando pela bonita Praia Malhada, que tem muitos praticantes de windsurf.

Outra opção é a da Trilha do Serrote, mais fácil por ser no topo dos morros e transitável a qualquer hora.

4. Passeio de buggy até Tatajuba

Tatajuba é um vilarejo que já foi soterrado pela areia e reconstruído. Por isso, os moradores chamam de “Velha Tatajuba”, a parte enterrada na areia, e de “Nova Tatajuba”, a vila que reconstruíram do outro lado do braço de mar.

Dona Delmira está lá todo dia para contar a história do lugar. Passeando por ali, é possível ver as ruínas da vila soterrada, a duna do Morro Branco e até uma duna encantada que não sai do lugar.

Os moradores dizem ser por causa de um naufrágio que a areia encobre e que pessoas já ouviram vozes e viram espíritos por ali.

5. Mangues Secos

Quer mais uma opção sobre o que fazer em Jericoacoara? No caminho de buggy até Tatajuba, você vai passar por Mangue Seco, que é exatamente o que o nome diz.

Depois de cruzar uma lagoa com o veículo numa balsa, chega a um mangue seco de areia branca e fina. É um ótimo momento para relaxar e tomar uma água de coco.

6. Parque Nacional de Jericoacoara

Próximo aos mangues secos, você pode fazer o passeio para ver os cavalos-marinhos.

Ilustres moradores de um dos braços de mar que adentra o Rio Guriú, a 5 km de Jeri, os cavalos-marinhos são a principal atração de um passeio ecológico feito em canoas a remo.

Próximo aos mangues, o canoeiro vai mostrar onde ficam os peixinhos e até pegar alguns, se for o caso.

Ele usa uma bacia ou garrafa PET para capturá-los, pois são muito delicados, e os devolve à natureza após mostrá-los aos turistas.

7. Dunas Secas

Mais uma alternativa sobre o que fazer em Jericoacoara… Diferentemente das dunas mais comuns, que mudam com o vento, essas não são afetadas, ficando cristalizadas na paisagem.

Próximo das Dunas Secas, você pode fazer sandboard.

Ou seja, descer uma duna em pé numa prancha, com direito a manobras. Se esse não for seu forte, pode ir sentado, o chamado skibunda.

8. Windsurf e kitesurf

Por seus ventos constantes e águas calmas, Jericoacoara é um ótimo lugar para a prática de esportes à vela. Os mais praticados são windsurf e kitesurf.

De profissionais a iniciantes do mundo todo vão até lá para praticar essas modalidades. No local, há escolas que dão aulas e fornecem todo o equipamento.

Viu só como há muito o que fazer em Jericoacoara? Mas, calma, pois ainda vamos dar mais opções de passeios! 

Quais lugares podem fazer parte do seu roteiro para Jericoacoara?

Quais lugares podem fazer parte do seu roteiro para Jericoacoara

Uma das grandes vantagens de elaborar um roteiro para Jericoacoara é que os viajantes conseguem explorar lugares incríveis e belíssimos em apenas 3 dias.

Por exemplo, em um período de estadia mais curto como esse, você pode dividi-lo da seguinte forma… O que fazer em Jericoacoara em 3 dias:

  • Dia 1: dependendo do horário do seu check in, poderá caminhar até a Pedra Furada, se a maré estiver baixa, e finalizar o dia assistindo ao pôr do sol na Duna, no Club Ventos ou no Café Jeri;
  • Dia 2: explorar o lado leste da vila, que inclui pontos turísticos como a Pedra Furada, a Árvore da Preguiça, as praias do Preá e de Jericoacoara, e as lagoas Azul e Paraíso;
  • Dia 3: explorar o lado oeste da vila e conhecer lugares como o Mangue Seco e a Lagoa da Tatajuba (também chamada de Lagoa Torta). 

Mas não pense que fará todos esses trajetos a pé. É claro que você tem essa opção, caso queira. Inclusive, uma das atrações são as caminhadas, com trilhas de até 4 km, a exemplo do percurso entre a Pedra Furada e a Praia Malhada.

Porém, como a região é extensa, boa parte das atividades requerem o uso de algum meio de transporte. Os que costumam ser utilizados são os cavalos, os buggys, os quadriciclos e os veículos 4×4.

Ou seja, o próprio deslocamento até o local que visitará já é uma atração e uma aventura à parte! De todo jeito, ainda que em uma estadia curta, há o que fazer em Jericoacoara! 

Como chegar em Jericoacoara?

Além de saber o que fazer em Jericoacoara, claro, é preciso entender como chegar ao paraíso. 

Em junho de 2017, foi inaugurado o Aeroporto de Jericoacoara, facilitando o acesso à região.

Ele fica a 48 km de Jeri, no município de Cruz. Voos regulares partem de São Paulo e Recife.

Partindo de Parnaíba, no Piauí, são apenas 180 km até a praia. A cidade tem aeroporto com voos semanais a partir de São Paulo.

De Fortaleza, são cerca de 300 km, que podem ser feitos de ônibus, veículos 4×4 pela estrada ou, ainda, pelas praias.

Na primeira opção, inclui a jardineira obrigatória entre Jijoca e Jericoacoara, pois os ônibus normais não chegam até lá.

Serviços de transfer podem ser adquiridos a partir dos três aeroportos acima citados.

O que mais você precisa saber sobre a vila de Jericoacoara?

O que mais você precisa saber sobre a vila de Jericoacoara

Mas, para montar um roteiro de o que fazer em Jericoacoara, há mais alguns detalhes sobre a vila que você precisa conhecer, tais como o melhor mês do ano para visitar, pagamento de taxas, etc.

Quando ir para Jericoacoara

Agora que você já sabe o que fazer em Jericoacoara, vamos entender q época ideal para viajar. 

Aliás, essa é uma pergunta que todo viajante frequentemente faz, podemos enfatizar que o clima quente contribui com a movimentação em Jeri o ano inteiro.

Apesar do período de chuva ir de março a junho, em muitos anos, cai menos água do que o previsto, ou seja, o destino pode ser visitado em todas as estações. 

Vale lembrar que a alta temporada vai de julho e agosto, e de dezembro até fevereiro, com pico no Ano Novo. O segundo semestre costuma ser mais visitado que o primeiro, sobretudo, por conta do fortes ventos que são o motor das pipas e das velas esportivas.

É bom informar que a ida até Jeri necessita de operadoras de turismo devidamente credenciadas, que fazem o traslado tanto do Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, como partindo de Jijoca, que fica a 20 Km da Vila.

A dica é você reservar, pelo menos, três dias para ficar em Jericoacoara por conta das inúmeras opções de lazer e, também, em razão das distâncias entre os pontos turísticos de maior relevância.

Inclusive, quem fecha pacotes da Rota das Emoções acaba aproveitando ainda mais, principalmente pelo fato das agências agilizarem os deslocamentos, além de ofertar os melhores destinos de acordo com a sua possibilidade de tempo.

Assim, você poderá conhecer e contemplar três estados nordestinos em apenas cinco dias. 

Trata-se de uma off road trip por Jeri, Delta do Parnaíba e Lençóis Maranhenses, tudo com muita segurança, meios de hospedagem de qualidade e serviços terrestres, náuticos e com os principais passeios inclusos.

Taxa de turismo

Esse é outro ponto bem importante, que não podemos deixar passar batido neste conteúdo sobre o que fazer em Jericoacoara. 

Bom, é preciso pagar uma taxa de turismo para entrar em Jericoacoara. O valor é de R$ 30 por pessoa e dá direito à permanência de até 7 dias.

O pagamento dessa taxa pode ser feito online, pelo site da Prefeitura de Jijoca de Jericoacoara, ou presencialmente no estacionamento da entrada da vila.

Onde se hospedar em Jericoacoara?

Onde se hospedar em Jericoacoara

Um dos diferenciais de Jericoacoara é que a Vila oferece passeios a lugares exóticos e meios de hospedagem confortáveis e luxuosos

Ou seja, a oferta de lugares para ficar e o que fazer em Jericoacoara são igualmente fartos!

Também existem opções de pousadas pé na areia e serviços que o deixarão em uma verdadeira lua de mel com quem você ama, com todo o requinte e tranquilidade.

Com o desenvolvimento do turismo na região, inúmeros meios de hospedagem surgiram ou se adaptaram para atender aos visitantes mais exigentes.

Como Jeri também conta com muitos europeus que decidiram investir no local, as construções trazem peculiaridades sintonizadas com o que há de melhor no mundo. Para você se organizar, selecionamos alguns meios de hospedagem que são muito bem avaliados na Vila. Vamos a eles!

Jeri Village Hotel

Em uma localização privilegiada, o hotel conta com piscina, bar, área de lazer e 28 suítes com ar-condicionado, TV, frigobar e chuveiro quente, sem falar em espreguiçadeiras, sofás e todo o conforto que todo hóspede merece.

Valor da hospedagem, para duas pessoas, fica entre R$ 400 a R$ 600. 

Hotel Hurricane Jeri

O hotel fica a apenas 50 metros das praias Malhada e Jericoacoara e tem em seu extenso jardim um grande diferencial.

Nele, os visitantes poderão desfrutar de muita tranquilidade em um ambiente rústico e muito acolhedor.

Valor da hospedagem, para duas pessoas, fica entre R$ 800 a R$ 1.200. 

Samba do Kit Pousada

Com uma vista para as dunas de Jeri, a pousada fica na praia da Enseada e tem uma piscina ao ar livre com iluminação noturna. 

Inclusive, os hóspedes podem reservar uma banheira de hidromassagem ao lado de um jardim com todo o requinte de um passeio dos sonhos.

Valor da hospedagem, para duas pessoas, fica entre R$ 500 a R$ 600. 

Pousada do Maurício

Depois de aproveitar muito de tudo o que fazer em Jericoacoara, relaxe na Pousada do Maurício. 

No coração de Jeri, a pousada fica no centro da Vila e proporciona aos hóspedes uma grande facilidade: a livre circulação pelos points sem nenhum cansaço. O local é bem estruturado e aconchegante.

Valor da hospedagem, para duas pessoas, fica entre R$ 260 a R$ 320. 

Pousada Viva Jeri

Em um ambiente totalmente familiar, a pousada conta com camas box, ar-condicionado e oferece tudo de acordo com o melhor padrão de qualidade no turismo receptivo.

Além dos locais citados, existem mais parceiros que atuam na região de Jeri. Vale enfatizar que os locais são altamente confortáveis e voltados para o bem-estar dos turistas.

Valor da hospedagem, para duas pessoas, fica entre R$ 254 a R$ 300.

Observação: para trazer os valores das hospedagens, nós fizemos simulações para uma viagem marcada para outubro de 2022. 

Mas, claro, os valores podem variar de acordo com o período da sua chegada em Jeri. Sendo assim, o melhor é fazer a estimativa para o seu caso específico. Os valores aqui são só uma base, ok? 

O que ver e fazer em Jericoacoara?

O que ver e fazer em Jericoacoara

Então, o que mais dá para citar sobre o que fazer em Jericoacoara? Vamos às demais dicas! 

Sendo o principal meio de estímulo dos visitantes, não faltarão opções de lazer e de pura contemplação da natureza em Jeri e seus arredores.

A Vila é dividida em dois lados: leste e oeste. Em cada um deles existem diversos atrativos que são preenchidos com paisagens bucólicas, dunas, lagoas, mangues, praias, com uma brisa muito rejuvenescedora, água quente e totalmente transparente.

O lado leste da Vila é o mais popular. Nele, os turistas poderão conhecer a famosa Pedra Furada. Moldada pelo vento, a Pedra tem um formato bem diferente e chama a atenção pelo seu tamanho e inúmeros tons quentes.

Logo adiante, os visitantes estarão frente a frente com a Árvore da Preguiça, solitária e moldada pelo vento. 

Como a copa está no chão, a imagem que vem à mente é que ela está deitada, ou seja, daí surgiu o apelido do ponto turístico.

As praias do Preá e a de Jericoacoara também estão nessa parte da Vila. 

A primeira se destaca por conta dos esportes de aventura (abordaremos melhor a temática mais adiante), enquanto Jeri, uma das mais belas praias do Ceará e do Brasil, é o retrato do sossego em razão das famosas redes montadas na água e espreguiçadeiras oferecidas pelos restaurantes situados no local.

Ainda na parte leste, existem as Lagoas Azul e Paraís. A primeira tem água mais escura, mas ambas são lindas e ao lado das dunas e das vegetações nativas que compõem o Parque Nacional de Jericoacoara. 

Ficam a apenas meia hora de Jeri em buggys, com areia fininha em uma verdadeira praia de água doce.

Na Lagoa do Paraíso, no município de Jijoca, o Alchymist Beach Club e a Paraíso Natural é uma boa pedida para você passar um dia com uma mega estrutura na beira da água. Existem dezenas de mesas, cadeiras, sombreiros, música e muita gente bonita.

Já no lado oeste, os turistas conhecerão o Mangue Seco. Nele, em passeios de barco, diversos cavalos-marinhos poderão ser observados, sendo uma experiência que contagia muita gente.

A Lagoa da Tatajuba (Lagoa Torta) também atrai quem quer se diferenciar dos roteiros, além Vila. Trata-se de um vilarejo de pescadores, cuja antiga sede encontra-se hoje soterrada pela areia, com rio, dunas enormes, coqueiros e mar azul e calmo.

O passeio normalmente sai de Jeri por volta das 09h, com retorno as 14:00h aproximadamente. Tendo em vista que o percurso é pela praia, são necessários buggys ou veículos 4X4 até chegar à Tatajuba. 

Diversão não vai faltar: é nessa área que é possível descer as dunas com pranchas de madeira em montes que chegam a 30 metros de altura.

No entanto, existem mais opções de passeios do que você possa imaginar em Jeri, como veremos a seguir. Acompanhe!

Atividades e passeios diversos no local

Em razão da grande extensão do Parque Nacional de Jericoacoara, a maioria das atividades necessitam de deslocamentos por meio de veículos 4X4, buggys, cavalos ou em trilhas a pé.

Além da belíssima praia de Jeri, todo turista não deixa de desfrutar de um momento muito especial da vila: o pôr do sol na duna. 

Situado no canto esquerdo da praia do centro, o monte de areia é perfeito para contemplar um entardecer maravilhoso. Em dias de lua cheia, o sol fica de um lado e a lua de outro em uma imagem de deixar qualquer um extasiado.

O momento é de tamanha energia que nativos e turistas brindam com salvas de palmas, abraços e beijos. Frequentemente, o sol mergulha no mar por volta das 17h30.

Na duna de aproximadamente 20 metros de altura, muita gente ainda aproveita para deslizar no sandboard — surf na areia — em pequenas pranchas de madeira. No entanto, as opções de lazer e esportes têm um leque ainda mais amplo.

Passeios de quadriciclo

Imagine acelerar um quadriciclo em dunas com areia lisinha, dando aquelas rasantes ao lado da água. É adrenalina sem fim para deixar as suas férias ainda mais emocionantes.

Os passeios contam com tours na Lagoa Torta, em Tatajuba, na Lagoa do Cavalo Marinho, além da praia de Mangue Seco. 

Agências especializadas fazem as locações e fornecem os equipamentos de proteção, tudo devidamente acompanhado por profissionais especializados.

Passeios de buggy

Os buggys são os xodós de quem se locomove em Jeri. Com motores potentes, as operadoras de turismo utilizam o veículo para diversos passeios, como rumo à Lagoa Azul, do Paraíso, às dunas da Barrinha e às praias do Riacho Doce e do Preá.

Veículos 4X4

As caminhonetes 4X4, muitas com ar-condicionado e um conforto ímpar, também são utilizadas para o deslocamento dos turistas. Nelas é possível conhecer todos os lados da Vila, suas lagoas, praias, dunas e mangues.

Cavalgada

Mais uma opção sobre o que fazer em Jericoacoara são os passeios a cavalo, outro ponto alto de Jeri. Correr com o animal na areia é um sonho para muita gente que poderá ser realizado na viagem à Vila.

Também existem charretes que levam os turistas para um tour pelo centrinho e arredores, sendo uma dica que não pode ficar de fora do seu roteiro.

Hiking (caminhada)

Quer saber mais sobre o que fazer em Jericoacoara? 

As caminhadas fazem parte da rotina em Jeri. Entre os locais que mais recebem adeptos podemos citar as trilhas até a Pedra Furada e Praia Malhada, com cerca de 4 Km partindo da praia principal.

Como carros não entram na Vila, exceto os das operadoras e agências locais de turismo, andar pelos pontos próximos do centro é até uma forma de descontração.

A dica é levar água e barras de cereais, além de boné, tênis de trekking e protetor solar, tendo em vista que a volta conta com muitas subidas e quase nenhuma sombra. No entanto, a experiência é grandiosa pela sensação de liberdade. Você vai ver, assim como no trekking nos Lençóis Maranhenses, paisagens inesquecíveis.

Quem opta voltar pelo Morro do Serrote consegue obter um visual incrível das praias, dunas e Vila. Essa opção geralmente é escolhida quando a maré começa a subir.

Esportes de aventura

Na hora em que o pensamento o que fazer em Jericoacoara vier a sua mente, saiba que a prática de esportes de aventura são outras características das praias por conta da boa presença de ventos e ondas.

Kitesurf, wind e surf propriamente dito encontram condições perfeitas na praia do Preá. Nas lagoas tranquilas, nada melhor do que um passeio de jangada, caiaque ou stand-up paddle. 

Inclusive, existem monitores e aulas particulares para quem quiser se aventurar pela primeira vez em algum dos esportes citados.

Assim, você poderá movimentar o corpo, energizar a alma e ainda brindar o ar de romantismo existente por todos os lados da Vila de Jeri.

Compra de artesanatos

Ao longo da praia de Jeri, ruas e vielas várias lojinhas de artesanatos e de objetos de decoração atraem os turistas que vão atrás de lembranças para amigos e familiares.

São bolsas, luminárias, bijuterias, camisetas, esculturas, além dos acessórios utilizados nas praias, como sungas, maiôs, biquínis e afins. 

Na rua principal existe o shopping Tapioca, com destaque para a torta de bananada Tia Angelita, uma das muitas delícias da Vila.

Compras em Jericoacoara

Como planejar a sua viagem?

Bom, já falamos bastante sobre o que fazer em Jericoacoara, quando viajar, onde ficar, média de gastos das hospedagens, enfim. 

Agora, vamos falar das dicas mais práticas, por exemplo, o que levar em sua bagagem, dentre outros pontos. 

Veja só: 

Arrumando as malas

Muito provavelmente, você vai ao Ceará de avião. Então, nesse caso, fique atento aos limites de peso da sua mala. 

Caso contrário, você pode ter que pagar para despachar (quando poderia levar na cabine do avião mesmo, em caso de mala de mão).

Sobre os itens necessários para a viagem, preze por roupas leves. Afinal, o clima em Jeri é quente. Alguns exemplos de roupas e objetos são os seguintes: 

  • chapéu;
  • boné;
  • roupa de banho;
  • protetor solar;
  • roupa com proteção térmica;
  • saída de banho;
  • hidratante para a pele e lábios;
  • tênis (sobretudo, se você for fazer alguns esportes de aventura, como caminhada);
  • garrafinha de água. 

O que não levar para Jericoacoara?

Basicamente, evite levar roupas muito pesadas, que precisem ser passadas (por questão de prática) e muito escuras. 

 

Lembre-se sempre que Jericoacoara é quente, então, o ideal é usar peças leves, frescas e mais confortáveis. 

 

A mesma dica vale para calçados. Preze pares mais leves, como sandálias e chinelos. Os tênis são fundamentais, caso você vá praticar ecoturismo. 

Orçamento mínimo para Jericoacoara em 2022

Depois de muito ver o que fazer em Jericoacoara, você deve estar pensando no orçamento. 

O preço total de uma viagem para Jericoacoara pode variar muito. Tudo depende da época, quantidade de viajantes, hospedagens, passeios e alimentação escolhidos. 

Então, o que nós vamos deixar aqui é uma base só de preço. Vamos colocar os pontos principais para uma ida a esse passeio. 

O ideal mesmo é que você confira os preços, conforme as características da sua viagem, ok? 

  • Passagem de avião por pessoa (saindo de São Paulo – SP): dificilmente sai por menos de R$ 1.000 por pessoa. 
  • Taxa de turismo para entrar em Jericoacoara: R$ 30. 
  • Transfer compartilhado: R$ 98 por pessoa (saindo dos hotéis) e R$ 250 por pessoa (saindo de um dos aeroportos). 
  • Hospedagem: não sai por menos de R$ 250 por pessoa. 

Orçamento mínimo para Jericoacoara em 2022

Conclusão: planeje sua ida a Jeri com uma agência de viagens

Gostou das nossas dicas sobre o que fazer em Jericoacoara? Ainda falta mais uma…

Sabendo-se que a viagem para Jericoacoara pode ser o ponto de partida ou de chegada da Rota das Emoções ou da Rota dos Ventos, e com destinos maravilhosos, nada melhor do que planejar o seu roteiro com antecedência.

Ao escolher uma agência de turismo especializada, com profissionais altamente capacitados, o seu passeio estará seguro e com a garantia de bons meios de hospedagem, traslados, sem falar nas melhores dicas de lugares que devem ser conhecidos.

Portanto, faça a sua reserva com antecedência e se prepare fisicamente por meio de uma alimentação saudável. 

Com o corpo e a mente sã, a sua viagem será inesquecível, com ótimas histórias e momentos que ficarão eternizados nas imagens de vídeos e fotos.

Assim, não faltarão opções sobre o que fazer em Jericoacoara, tendo em vista que quem se organiza consegue desfrutar muito mais de roteiros paradisíacos, como os existentes no Nordeste brasileiro.

E você, quer conhecer os pacotes especiais e promocionais sobre Jericoacoara e Rota das Emoções? Então entre em contato com os nossos parceiros agora mesmo!

 

Você também pode gostar

Um comentário em “Jericoacoara: pontos turísticos, roteiro e o que fazer

Deixe um comentário