Os 6 melhores destinos para viajar no meio do ano: confira! - Blog Rota das Emoções: O melhor sobre a Rota das Emoções
Os 6 melhores destinos para viajar no meio do ano: confira!

É inegável que a maioria das pessoas conta os dias para a chegada das férias de verão. Até porque uma das principais vantagens do turismo brasileiro é contar com a incrível beleza de nosso litoral, não é? Ainda assim, encontrar destinos para viajar no meio do ano também é uma ótima oportunidade para conhecer um pouco mais do nosso território.

O período que abrange os meses de junho e julho é repleto de festas típicas e ricas experiências culturais, além de oferecer uma nova perspectiva de nosso país por meio de um clima mais ameno. Então, se você quer conferir lugares inesquecíveis para visitar no meio do ano, este post é para você!

Preparamos aqui uma lista com 6 opções inesquecíveis para que você e a sua família redescubram o Brasil em suas próximas férias. Boa leitura!

1. Manaus, AM

Por estar localizado bem no meio da maior floresta tropical do planeta, Manaus é o lugar perfeito para quem quer conhecer um pouquinho da selva amazônica.

Embora essa seja uma área bastante chuvosa, os dias poderão ser melhor aproveitados com viagens programadas para junho — época em que você encontrará os rios cheios suficientes para passear, mas com poucas chuvas.

O encontro das águas dos rios Negro e Solimões é imperdível, assim como mergulhar com os botos cor-de-rosa e ficar perto de animais como preguiças, macacos e jacarés. Também é possível visitar lagoas cheias de vitórias-régias e, se você der sorte, encontrar peixe-boi em alguns locais!

Já quanto à parte histórica da cidade, não deixe de visitar o Teatro Amazonas. Uma boa é conseguir um guia, para lhe contar a história de quando Manaus era um grande polo de exportação de látex, na época do ciclo da borracha.

Apesar de não ser o destino da maioria dos brasileiros, a cidade não perde em nada em relação às outras regiões do país. Vale muito a pena visitar!

2. Barreirinhas, MA

Quer um lugar melhor para passar a festa junina que o Maranhão? Nessa época do ano, a casa do Bumba Meu Boi recebe centenas de brasileiros e estrangeiros para adorar e comemorar a paixão pelo “boi”.

Inclusive, em 2012, essas manifestações folclóricas do Bumba Meu Boi viraram Patrimônio Cultural do Brasil pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional). E a pequena cidade de Barreirinhas também festeja, com muita dança e comidas típicas da região.

No entanto, o que mais se destaca no município é a “porta” para o Parque Nacional de Lençóis Maranhenses. Nessa época de junho não há mais chuvas mas as lagoas estão em seu auge.

Contratar pacotes ou alugar carros com tração para fazer um tour pelo local é a melhor forma de aproveitar a região.

3. Serra Gaúcha, RS

No sul do país, principalmente longe dos grandes centros urbanos, o frio já está chegando nessa época do ano. Então, nada melhor do que aproveitar o friozinho regado a vinho e massas, certo?

Com grande influência da imigração italiana na região, Gramado, Canela, Bento Gonçalves e Caxias do Sul são algumas das cidades que compõem a Serra. E sua temporada de inverno é cheia de eventos e atrações, como as confecções dos tapetes de Corpus Christi, teatros, eventos musicais e até cursos de cervejas artesanais.

Em Canela, locais como a Catedral de Pedra, Mundo à Vapor e o Parque Estadual do Caracol não podem deixar de ser conhecidos. Já Gramado possui o Lago Negro, que muda de cor conforme a estação e a natureza ao seu entorno. Há ainda fábricas de chocolate, vinícolas e até um parque de neve indoor.

Se você tem pouco tempo para visitar a Serra, o passeio da Maria Fumaça passa por várias cidades da região ao som de músicas europeias e vinho à vontade! Vale a pena conferir.

4. Jericoacoara, CE

A melhor época para visitar Jericoacoara é do meio do ano em diante, quando o clima se afasta do período da estação das chuvas e se torna regado a bastante sol.

Além disso, para os mais aventureiros, que querem se arriscar no kitesurf e windsurf, em julho começa também a temporada dos ventos fortes. A vila de pescadores fica no Parque Nacional de Jericoacoara, que possui uma área de mais de 8 mil hectares, com belezas naturais protegidas e preservadas.

Jeri oferece várias opções de passeios e lugares para visitação, mas o mais clássico, com certeza, é subir a Duna do pôr do sol para assistir ao belo evento da natureza. Já Pedra Furada é um dos principais pontos turísticos da vila, que fica a cerca de 40 minutos de caminhada e estampa seus cartões-postais.

Apesar de não ficarem na vila, as lagoas Azul e Paraíso são próximas e contam com redes em suas águas cristalinas, para se relaxar.

5. Campos do Jordão, SP

A 173 km de São Paulo, no meio da Serra da Mantiqueira, Campos do Jordão é considerada a Suíça brasileira, por conta da sua arquitetura europeia, alta altitude — incríveis 1628 metros de altitude média — e temperaturas baixas.

Com certeza, um dos melhores destinos para viajar no meio do ano, especialmente para quem procura momentos únicos e novas experiências. Em junho, por conta do feriado de Corpus Christi e do início da temporada de inverno, o local fica repleto de visitantes, de todo o país.

Os eventos começam a surgir nessa época, mas não param. Também é lá que ocorre o famoso Festival Internacional de Inverno, com concertos de música erudita durante o mês de julho. No fim do mês, comemora-se o dia de São João, com as festas juninas.

Quando for para lá, prepare as suas roupas de frio, porque a temperatura pode chegar até mesmo abaixo de zero!

6. Parnaíba, PI

Conhecida como Capital do Delta, Parnaíba fica a 336 km da capital, Teresina, e é famosa justamente por essa exuberante formação geológica entre os estados do Maranhão e Piauí, no ponto em que o rio Parnaíba se encontra com o Oceano Atlântico, formando vários braços e pequenas ilhas.

Inclusive, o Delta do Parnaíba faz parte da Rota das Emoções, um roteiro eletrizante cheio de aventura que junta três estados (Ceará, Maranhão e o Piauí). Além do Delta, Jericoacoara e os Lençóis Maranhenses estão nessa rota, que inclui cerca de quatorze municípios.

Parnaíba também conta com praias como a Praia Pedra do Sal, onde dizem que há um dos mais lindos pôr do sol da Rota das Emoções. As Praias do Coqueiro, Macapá, Maramar, Itaqui, Carnaubinha, Barra Grande fazem imenso o pequeno litoral do Piauí, riquíssimo em sua diversidade e beleza. Além disso, seu Porto das Barcas foi tombado pelo Iphan, em 2011, onde hoje se encontram lojas de artesanato, lanchonetes, entre outros.

Enfim, com tantas opções incríveis para todos os gostos, é impossível não encontrar um lugar que seja a sua cara! Então, fuja do óbvio e do esperado e embarque em uma aventura em um desses destinos para viajar no meio do ano!

E, se gostou deste post, aproveite para conferir como montar seu próprio roteiro de viagem e tornar o planejamento dos seus passeios ainda mais simples!

Avatar
Carolina Sena

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This