Travessia Lençóis Maranhenses: 5 dicas para fazer um passeio inesquecível

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Uma das paisagens mais belas e incríveis do mundo precisa ser apreciada a pé, concorda? É realizando a travessia nos lençóis maranhenses que muitos turistas conhecem os encantos da região. Mas para aproveitar essa fascinante área do nordeste brasileiro, é preciso se planejar com antecedência.

Tudo acontece no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. A caminhada, sem dúvida, garante uma experiência única e completa, pois possibilita ao turista percorrer as principais cidades e vilas da região. Durante a travessia, é possível entrar em contato com as vilas de pescadores e saborear suas comidas típicas, além de estar envolto por uma vista ímpar.

Neste post, vamos mostrar como é o trekking nos lençóis maranhenses, quem pode fazê-lo, o que levar na mochila, qual a melhor época para a caminhada e como aproveitar esse passeio apaixonante. Veja!

1. Saiba como fazer a travessia dos lençóis maranhenses

A travessia dos lençóis pode ser feita de diferentes maneiras. Uma das alternativas mais comuns dura três dias — são duas pernoites, uma em Baixa Grande e outra em Queimada dos Britos. No total, são percorridos mais de 30 quilômetros (de seis a nove no primeiro dia, nove no segundo dia e dezessete no terceiro e último).

Há, ainda, a opção de saída de Canto de Atins até Baixa Grande. Ou, se preferir, o viajante pode partir de Barreirinhas e atravessar o Rio Preguiça de voadeiras em pequenos barcos. Se optar por transitar pelas dunas, os trechos mais difíceis podem ser feitos com veículos 4×4, os únicos autorizados. Em vez de concluir o trekking em Queimada dos Britos, dá também para esticar até Santo Amaro.

Durante o período de travessia pelo Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, é possível avistar uma infinidade de lagoas de cor azul ou verde-esmeralda em meio à areia branca e fofa, as quais formam uma paisagem única e surpreendente. Os turistas dormem em redários instalados nas casas dos próprios moradores da região, locais onde também se alimentam e se banham.

Powered by Rock Convert

2. Entenda quem pode fazer a travessia

Quem está habituado a fazer caminhadas na natureza e encontra-se com a saúde física em dia consegue se aventurar pela travessia nos lençóis maranhenses. Afinal, a maior parte do trajeto é realizada com os pés sobre a areia e não é preciso levar muita coisa na mochila. O grande desafio é subir as dunas, mas há o vento para aliviar o esforço e as paradas para apreciar a paisagem e tomar banho nas lagoas cristalinas, verdadeiros oásis.

3. Descubra o que levar na mochila

Durante o trekking nos lençóis maranhenses, você precisa levar na mochila camiseta, short, toalha, chinelo, garrafinha de água, óculos de sol, chapéu e protetor solar, é claro. Não se esqueça de incluir água e lanches para serem consumidos na hora das paradas. Leve, também, lanterninha de cabeça, repelente e um casaco, pois à noite a temperatura pode cair.

4. Identifique qual a melhor época para realizar a caminhada

A travessia nos lençóis maranhenses pode ser feita em qualquer época do ano. Mas de junho a setembro as lagoas costumam estar mais cheias.

5. Veja o que aproveitar durante o trekking nos lençóis maranhenses

Além das lagoas em meio às dunas, que garantem banhos refrescantes e formam uma paisagem única, durante o trekking nos lençóis maranhenses há outros atrativos peculiares. Por lá, você terá a oportunidade de conhecer pequenos vilarejos de pescadores e apreciar as comidas típicas dos moradores enquanto estiver hospedado em suas casas, incluindo peixes e tapioca ou, até mesmo, galinha caipira.

Em Mandacaru, é possível visitar o Farol das Preguiças, que tem 32 metros de altura e de onde dá para observar a formação geográfica da região. Já em Queimada dos Britos, o turista tem a oportunidade de avistar a vegetação de restinga, os cajueiros com frutos e verdes arbustos. O nascer do sol nas dunas é outra experiência proporcionada por essa incrível caminhada.

Sem dúvida, a travessia dos lençóis maranhenses é a melhor maneira de conhecer as fascinantes belezas dessa área e levar com você uma bagagem por toda a vida. Ao visitar o local, procure por uma agência especializada no turismo da região para ter todo o apoio de que necessita e aproveitar a viagem com tranquilidade e segurança.

Gostou de saber detalhes sobre o trekking nos lençóis maranhenses? Então, siga-nos nas redes sociais para acompanhar as nossas novidades. Estamos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no YouTube!

Você também pode gostar

Deixe um comentário